‘HISTÓRIAS DE LIVROS PERDIDOS’, DE GIORGIO VAN STRATEN

Por Lu Thomé

Oito histórias de terror. De gelar a alma do mais corajoso dos admiradores das letras. Com imagens que ficam gravadas na cabeça, sejam de muitas labaredas, de algumas gavetas escuras ou do sumiço de uma mala.

Histórias de livros perdidos traz episódios que podem ser verdadeiros, falsos, pura intriga ou utopia leitoresca. Giorgio Van Straten é um pesquisador de livros perdidos. Não daqueles tipos que já existiram, seguramos nas mãos e perdemos. Estes livros aqui tiveram suas palavras registradas em papeis, que depois foram destruídos ou desaparecidos antes que virassem livros. Ou seja: nunca chegaram ao público.

Em vários momentos me vi arrebatada pelas reviravoltas dos acontecimentos. E, mesmo com algumas repetições, Straten conduz bem o encadeamento dos fatos. Sem abandonar o tom melancólico, mas alimentando aquela pequena fresta de chance de que, quem sabe, alguns destes livros ainda estejam por aí, só esperando que alguém os descubra.

A mala que continha todos os originais produzidos (incluindo as cópias em carbono) por Ernest Hemingway e que foi roubada em uma estação de trem. Ou aquela carregada por Walter Benjamin – que continha algo muito importante – e que se perdeu na Espanha após o seu suicídio. O original escondido por Bruno Schulz antes de ser morto na Polônia por um oficial nazista. O segundo romance de Sylvia Plath, que pode ter sido escondido por seu marido. Além, é claro, daqueles originais que foram vítimas do mais implacável dos inimigos do papel: o fogo. Livros de Romano Bilenchi, Lord Byron, Nikolai Gogól e Malcolm Lowry, que foram destruídos por familiares, em acidentes ou por eles mesmos.

Esta é a reunião de cenas sobre a trajetória daqueles que continuaram escrevendo mesmo sob condições deploráveis e sub-humanas. Mesmo com o desfecho que tiveram em suas vidas. E das histórias que, de alguma forma, sempre encontram os seus caminhos até os leitores.

Leia mais da autora em Posfácio.

🛒 Clique e encomende o seu exemplar

NÃO-FICÇÃO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: