3 poemas de Ines Lempek

Vidas

beira-mar
curva
limiar
fronteira
entre mundos
a ultrapassar
o mar lambe
a areia
solta espuma
se espalha
se contrai
microscópicas
vidas
se recolhem
a mergulhar
em espirais
mistérios
fractais
até explodir em
gigantesca
onda.

Viagem

viajantes
sem saber
o ponto final
sem conhecer
todo o caminho
seguimos setas
uma
determinação
brechas
no percurso
uma
bússola cravada
no meio
do peito
uma estrada
inventada
o foco
no infinito.

Pancadas esparsas

pancadas
de chuva
tempo afora
nome ambíguo
tempo adentro
pancadas
de vida
esparsos eventos
nunca se sabe
quando vem
quando vão
não se espera
nem de onde
nem de quem.

Ines Lempek é natural de Porto Alegre, morou em São Paulo e Brasilia. Estudou Psicologia na UFRGS, e especialização em Psicanálise e Cultura na UnB. Participou de oficinas de escrita criativa, publicou em antologias, revistas literárias e blogs, com poemas, haicais e historias curtas. Lançou em 2019 o 1° livro solo de poemas O Avesso do Clima, pela Editora Bestiário.

POESIA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: